sexta-feira, agosto 13, 2004

Todos os dias há qualquer coisa que pode ir para a colecção

O dia em que troquei o meu pai por dois peixinhos vermelhos

neil Gaman & dave Mckean




Pode ler-se na contracapa com cenoura:

O que é que aconteceria se quisesses tanto os peixinhos vermelhos do teu melhor amigo que darias qualquer coisa que tivesses por eles?
Absolutamente qualquer coisa.
Até mesmo o teu pai...


Esta encantadora e divertida história éo primeiro livro para crianças da multi-
-premiada dupla Neil Gaman (argumento) e Dave Mckean (arte).
Uma visão completamente desinibida sobre os riscos de trocar pessoas de quem se gosta que deliciará qualquer um que seja - ou alguma vez tenha sido - criança...

E lá dentro:


"Um dia a minha mãe saiu e deixou-me em casa com a minha irmã e o meu pai.
O meu pai sentou-se em frente à televisão a ler o jornal.
O meu pai não presta muita atenção a nada quando está a ler o jornal."
[...]
"Enquanto o meu pai estava no banho, a minha mãe ralhou comigo.
E quando acabou de ralhar comigo fez-me prometer que nunca mais voltaria a trocar o meu pai fosse pelo que quer que fosse.
E eu prometi.
Por isso, não volto a trocá-lo.


Mas nunca prometi nada sobre a minha irmã..."


A melhor definição deste livro está na legenda dos autores:

Neil Gaman (arte)

[Este livro está em Portugal pelas mãos da Vitamina Bd e foi traduzido por Pedro Silva]